[contact-form-7 id="136" title="News Letter Form"]

O seguro de Vida e a rotina pós pandemia*

Categoria: Insights
Favoritar

O Covid-19 segue convivendo na sociedade, mas os piores momentos da pandemia parecem ter ficado para trás. A vacinação avançada e os cuidados que inserimos no nosso dia a dia, como higienizar mais as mãos, usar máscaras quando resfriados e mais alguns procedimentos nos levam a um momento de maior tranquilidade sanitária.

E, aos poucos, vamos percebendo alguns legados mais positivos como a flexibilidade de trabalhar remotamente e a atenção a saúde, dentre outros. Um ponto inequívoco é a compreensão da fragilidade da existência humana e os benefícios dos seguros, especialmente os de Saúde e de Vida.

As notícias diárias sobre números de contaminados e óbitos trouxeram ao dia a dia do cidadão a percepção da finitude e os desafios daqueles que ficam quando o mantenedor da família se vai, além das sequelas graves que muitas vezes perduram após o controle do vírus.

Essas informações acabaram gerando um olhar mais atento à importância do seguro de Vida e de seus subprodutos, como coberturas de doenças graves e diárias por incapacidade temporária. O volume de vendas destes produtos cresceu e os números atualizados deixam claro o potencial na distribuição/compra destas garantias.

Afinal o número de mortes beira de 700.000 ocorrências e a maioria das seguradoras decidiu indenizar os seus segurados, mesmo estando este risco excluído, mas o número de indenizações não chegou nem perto de 15% do total de óbitos.

 

O que estes números nos dizem?

Que os RHs precisam ter um olhar mais atento às opções de cobertura de riscos de pessoas, diz também que os Corretores podem, e devem, oferecer mais estas coberturas e que o seguro de Vida tem a oportunidade de fazer parte da realidade de todos os brasileiros.

Se as companhias e as insurtechs seguirem inovando e desenvolvendo produtos para incluir mais gente de todas as classes sociais, com os Corretores colocando o seguro de Vida em todos os seus segurados de todos os ramos e a sociedade mais consciente da possibilidade de vir a necessitar desta proteção, pode ser que todos venham a sofrer menos com as perdas de vidas e de condições plenas de trabalho. Já imaginou como todos teríamos sofrido menos se todas as quase 700.000 mil vidas perdidas tivessem o alento de ter garantida suas despesas para o dia a dia de seus familiares?

*Gustavo Doria Filho é fundador do portal CQCS

 

Mini Bio do autor

Há mais 35 anos atuando no mercado de seguros, Gustavo Doria Filho iniciou sua carreira na Aratú Seguros, na qual administrava uma carteira com mais de 80 mil clientes

No início dos anos 1990, assumiu a Diretoria Regional da Iochpe Seguradora, mesmo momento em que iniciava os seus estudos em resseguros, tornando-se o primeiro especialista em Resseguro Saúde do país. Ademais, profissionalizou-se através de cursos no Brasil e no exterior nas modalidades de Riscos de Petróleo e Garantias

Atualmente, é o fundador do CQCS , www.cqcs.com.br, a maior comunidade de profissionais de seguros de mundo, com mais de 100.000 inscritos e há 20 anos liderando a comunicação entre todos os profissionais do ecossistema de seguros no Brasil. Desde 2017 o CQCS é o parceiro oficial do maior evento de Inovação em Seguros do Mundo, o ITC – Insuretech Connect, sendo o criador do CQCS ITC Experience, programa de curadoria e suporte a delegação Brasileira, a maior participação estrangeira no evento, que vai a Las Vegas participar do ITC e Gustavo também é fundador e organizador do CQCS Insurtech & Innovation, o maior e mais relevante evento de Inovação em Seguros da América Latina e top 5 do mundo.

Confira artigos escritos por especialistas se cadastrando aqui
Solicite seu Seguro de Vida